Filho adotivo de deputada federal confessa assassinato do pai, no Rio

Jovem diz ter agido a mando do irmão, Flávio Rodrigues, de 38 anos

Foto: Reprodução / Internet

Ao prestar depoimento às autoridades responsáveis pela investigação da morte do pastor Anderson do Carmo de Souza, ex-marido da deputada federal  e pastora evangélica Flordelis, o filho adotivo do casal Lucas dos Santos, de 18 anos, confessou o assassinato. Ele acusou, ainda, Flávio Rodrigues de Souza — filho biológico da deputada — de ser um dos mandantes do crime.

O motivo do assassinato teria sido uma traição de Anderson. Foram disparados 30 tiros contra o pastor, sete deles atingiram a região pélvica. As autoridades não descartam a possibilidade de participação de outras pessoas no crime. A confissão de Lucas e os detalhes revelados pelo jovem durante seu depoimento tem auxiliado os policiais na investigação do assassinato.

O crime ocorreu quando o casal saiu para jantar na Zona Sul do Rio. Segundo a federal, o carro onde estavam foi seguido por duas motocicletas. Flávio Rodrigues de Souza já tinha um mandado de prisão pendente por violência doméstica. Contra Lucas havia um mandado de apreensão por tráfico de drogas. O crime foi cometido quando ainda era menor de idade.

Uma resposta para “Filho adotivo de deputada federal confessa assassinato do pai, no Rio”

  1. HELENA disse:

    Nossa, coitada dessa esposa, além de perder o marido ainda enfrentará a dura realidade de que seus filhos são criminosos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.