Felipe Neto processa ex-ministro de Bolsonaro e pede indenização de R$ 50 mil após tuíte

Em seu perfil nas redes sociais, Marcelo Álvaro Antônio escreveu que livros assinados pelo youtuber são obras “pornográficas para crianças”

O youtuber Felipe Neto resolveu processar o ex-ministro de Turismo do governo Bolsonaro, Marcelo Álvaro Antônio.

Conforme mostrado pelo jornal O Globo, o youtuber pede uma indenização por danos morais na casa dos R$ 50 mil. Isso porquê o ex-ministro divulgou, em seu perfil nas redes sociais, em setembro, uma mensagem onde cita o youtuber.

Na ocasião, o ex-ministro escreveu: “Já nas bancas, ao lado dos livros pornográficos para crianças do Felipe Neto. #OVerdadeiroGenocida”. Veja o tuite:

A assessoria do youtuber divulgou uma nota, na manhã desta quinta-feira, 31, para esclarecer que a equipe jurídica de Neto já adotou as providências necessárias no sentido de interpelar criminalmente o ex-ministro que, por sua vez, ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.