Ex-prefeito de Jandaia que teria encomendado a morte da esposa é preso em Goiânia

Vítima foi executada em uma imobiliária no Parque Oeste Industrial

Foto; Reprodução

A Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), realizou nesta sexta-feira, 21, a prisão do ex-prefeito de Jandaia, João Rodrigues Neto, conhecido como “JR” ou “João Venas”. O suspeito foi encontrado em um quarto de hotel simples na capital.

João Rodrigues é suspeito de ter encomendado a morte de sua esposa Neusa Severino Aguiar ocorrida em 17 de setembro de 2015. Na ocasião, dois indivíduos em uma motocicleta executaram a vítima com diversos disparos de arma de fogo no interior de sua imobiliária localizada no Parque Oeste Industrial, em Goiânia.

Motivação

Na época do crime, o casal não vivia junto há mais de 10 anos e a motivação seria interesse patrimonial, pois Neusa pretendia divorciar-se de JR e impedir que este continuasse administrar seu patrimônio.

A vítima era uma das proprietárias de extensa área no Parque Oeste Industrial ocupada por cerca de 3 mil famílias no ano de 2004 e JR ficou com grande parte da fortuna após acordo com a família.

Em cumprimento de mandado de busca e apreensão foram apreendidas na residência do suspeito, no Condomínio Granville, uma pistola 9mm, uma pistola .45 e cerca de R$ 3 mil em notas falsas. Em uma propriedade rural em Varjão foram encontradas mais cinco armas longas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.