Ex-estrategista de Trump diz que Mourão é voz dissonante no Governo

Steve Bannon afirmou que o timing do vice-presidente nesses 100 dias tem sido questionado

Bannon, ao lado de Bolsonaro | Foto: Alan Santos/PR

Em entrevista à BBC, replicada pelo jornal O Antagonista, o marqueteiro Steve Bannon, criticou o vice-presidente brasileiro, Hamilton Mourão (PRTB). Conforme o estrangeiro, “há muitos membros do governo que estão questionando o ‘timing’ do vice-presidente e seus posicionamentos nestes primeiros 100 dias (…). Ele se tornou uma voz dissonante e isso é perigoso”.

Ainda conforme Bannon, existe certa frustração pelo vice-presidente não estar alinha com o programa de Bolsonaro. 

Vale ressaltar que Bannon, ex-estrategista-chefe do governo Donald Trump, endossou a campanha de Jair Bolsonaro (PSL), no ano passado. Inclusive, o presidente brasileiro e Steve jantaram, no domingo, 17, nos Estados Unidos, com o mentor bolsonarista e escritor Olavo de Carvalho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), além de autoridades dos Estados Unidos.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.