O ex-deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ) foi preso na manhã desta quinta-feira, 2, em Petrópolis, no Rio de Janeiro. De acordo informações do portal G1, fontes da Polícia Federal afirmaram que havia “muito dinheiro na casa” do ex-parlamentar no momento da detenção.

O ex-deputado federal ficará sem assento após tentar uma vaga para o Senado. Apoiado por Bolsonaro, ele recebeu cerca de 1,5 milhão de votos dos eleitores fluminenses, apesar de sua candidatura ter sido indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) após ser preso e condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Em fevereiro de 2021, o deputado foi preso em flagrante por ordem do STF depois de gravar um vídeo com ofensas a ministros da Corte e em defesa do Ato Institucional nº 5 (AI-5). Ele foi solto em novembro, mas permaneceu a maior parte do tempo em prisão domiciliar.