Ex-aliado de Marconi, José Vitti tende apoiar reeleição de Ronaldo Caiado

Sem bater o martelo quanto ao apoio para eleição de governador, mas com possibilidade de apoiar Caiado, Vitti tem apenas uma certeza, a de que ele não estará ao lado de Perillo

Ronaldo Caiado e José Vitti: boa relação construída nos últimos anos | Foto: Divulgação

Líder do governo Marconi Perillo (PSDB) na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), o ex-deputado estadual e ex-presidente da Casa José Vitti (sem partido) tende a caminha ao lado de Ronaldo Caiado (União Brasil) na disputa pelo Palácio das Esmeraldas. Apesar de ter dito ao Jornal Opção que ainda considera as nuances políticas e está em um momento de reflexão, a possibilidade de filiação ao União Brasil, o que o faria correligionário do governador; o fato de ter sido secretário na atual gestão estadual; a boa relação com o grupo que está no poder e o próprio distanciamento de Marconi o direcionam para o projeto eleitoral de Caiado. Tanto, que ele próprio não descarta a possibilidade.

“É uma pessoa que sempre confiou no meu trabalho, confiou na minha conduta, enquanto político. A tendência é estar com ele nas próximas eleições. Agora, obviamente, política tem as suas nuances, suas mudanças. Mas vou fazer a minha reflexão, apesar de estar fora do próximo processo”, afirma Vitti, que foi secretário de Indústria e Comércio, de janeiro a outubro de 2021, e lembra que nesse período construiu uma “boa relação” com o governador. Decidido a não disputar o legislativo este ano e, como mostrou o Jornal Opção, com planos de concorrer a Prefeitura de Goiânia em 2024, mesmo de fora das urnas, Vitti quer se manter ativo na eleição majoritária.

“Com relação a quem vou apoiar agora para o governo, primeiro, a gente precisa aguardar quem são efetivamente os candidatos. Hoje existem alguns nomes postos, mas, efetivamente, o único nome hoje cravado como candidato é o do governador (Ronaldo Caiado)”, argumenta. O político também já decidiu apoiar a eleição de Lissauer Vieira (PSB), atual presidente da Alego, para a Câmara dos Deputados, em Brasília.

Sem bater martelo quanto ao apoio para eleição de governador este ano, Vitti tem apenas uma certeza, ele não estará ao lado de Marconi Perillo. Ele garante que conserva a amizade com o tucano, com o qual tem em comum também a cidade, ambos são de Palmeiras de Goiás. No entanto, de acordo com ele, nos últimos anos, cada um tomou um caminho diferente. “Ele foi para o campo empresarial e eu continuei aqui (no Estado)”, relembra. “Mas sempre mantivemos um bom diálogo, sempre republicano, sempre conversamos bastante, até porque, sempre tive uma boa relação com a família do ex-governador Marconi, na cidade de Palmeiras de Goiás”, acrescenta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.