Participação do grupo religioso no evento repercutiu nas redes sociais

Um grupo de evangélicos chamou a atenção durante a 19ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. Ao contrário do que se possa imaginar, os religiosos não compareceram à marcha em repúdio à causa, mas sim para lutar contra a homofobia.

Intitulada “Jesus Cura a Homofobia”, a caravana discorda de líderes religiosos como Marco Feliciano e Silas Malafaia, e acredita que é possível conciliar os preceitos religiosos e a homossexualidade.

*Leia mais
Hackers invadem site de Marco Feliciano e deixam recado contra homofobia

A participação do grupo repercutiu nas redes sociais, confira:

https://twitter.com/mtesperon/status/607615759087333377