EUA enviam 2 milhões de doses de hidroxicloroquina para Brasil

Apesar dos alertas científicos sobre riscos associados ao medicamento, dois países devem realizar esforço de pesquisa conjunto para uso da droga

Foto: Reprodução

Apesar dos alertas científicos sobre os riscos associados ao medicamento, os Estados Unidos forneceram ao Brasil 2 milhões de doses de hidroxicloroquina para serem usadas contra o novo coronavírus. De acordo com o comunicado da Casa Branca divulgado neste domingo, 31, os dois países realizarão um esforço de pesquisa conjunto que incluirá “testes clínicos controlados randomizados”.

Tanto o presidente estadunidense Donald Trump, quanto o brasileiro Jair Bolsonaro, defendem o uso da hidroxicloroquina no combate à Covid-19. Em maio, Trum chegou a dizer que estava tomando o remédio como medida de prevenção contra o coronavírus. Já Bolsonaro afirmou ter uma “caixinha” do medicamento guardada para caso sua mãe de 93 anos precise.

“O povo brasileiro e o povo norte-americano solidarizam-se na luta contra o coronavírus”, disse a nota. “A HCQ será usada como profilático para ajudar a defender enfermeiros, médicos e profissionais de saúde do Brasil contra o vírus. Ela também será utilizada no tratamento de brasileiros infectados”, completou.

O texto ainda afirmou que os Estados Unidos enviarão 1000 ventiladores para serem usados no sistema de saúde brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.