Estudante é agredido por PM dentro de estacionamento da PUC-GO

Universidade lamentou o ocorrido e disse que o estudante foi “vítima da violência urbana” e que ajudará na apuração do caso

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um estudante foi agredido por um policial militar dentro do estacionamento do Campus V da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), no Jardim Goiás, na noite desta quinta-feira (09/10). Segundo testemunhas, a discussão começou depois que o estudante de direito Vinícius Alves de Andrade, de 22 anos, bateu no retrovisor do carro do policial, que também estuda no mesmo campus.

Em seguida, o policial desceu de seu automóvel com uma arma em punho, deu um tiro no veículo do estudante, que se assustou e tentou fugir em seu carro. O policial o perseguiu, e dentro do estacionamento da universidade, Vinícius saiu do automóvel. Foi então, que o policial começou a agredir o jovem, sempre ameaçando-o com a arma. Ao perceber que estava sendo filmado pelas testemunhas, o policial tentou sair do local, mas foi impedido.

A vítima teve ferimentos na cabeça, na boca e no pescoço. Ainda de acordo com estudantes que presenciaram o episódio, o socorro demorou cerca de 30 min para chegar ao local. Antes mesmo da ambulância chegar, o policial foi conduzido ao 8º Distrito Policial por outros colegas de profissão.

Em nota à imprensa, a PUC Goiás lamentou o ocorrido e disse que o estudante foi “vítima da violência urbana” e que ajudará na apuração do caso. “O estudante recebeu atendimento de saúde necessário oferecido pela empresa UTI Vida, que presta serviços para a universidade”.

O Departamento de Comunicação da PM informou que o episódio será encaminhado para a Corregedoria da Polícia Militar, onde será instaurado procedimento para apuração do fato e atribuição de responsabilidade.

Deixe um comentário