“Estão mentindo para prejudicar judicialmente o governo passado”, diz Calil sobre déficit

Deputado afirma que votou a favor de todos os projetos apresentados por Caiado, mas pede transparência nas contas

Foto: Alexandre Parrode | Jornal Opção

O deputado estadual Lucas Calil (PSD) falou ao Jornal Opção sobre sua relação com a gestão Caiado, avaliou os primeiros dias do novo governo e questionou a falta de transparência das contas estaduais. “Na minha visão o governador Caiado é muito egoísta”, disse o parlamentar.

Segundo Lucas Calil, o novo governo só pensa em si e tenta a todo custo culpar as gestões antigas por um déficit que não teria sido provado.  “Ele maquia e distorce as contas o tempo inteiro, separou o caixa único, não apresenta o extrato da Caixa Econômica Federal, do Banco do Brasil, do Detran e fica falando em déficit”, comentou o deputado.

“Até pelo tipo de comportamento adotado pela atual gestão, acho que estão mentindo para prejudicar judicialmente o governo passado. E no fim quem está pagando o pato é o servidor”, afirmou Lucas.

Para o deputado, o governo estadual foi incoerente ao prometer devolver Goiás para os goianos, mas em seguida só trazer secretários de fora. À reportagem, ele contou que esteve em uma secretaria para resolver uma demanda e quando convidou o titular da pasta para acompanha-lo até Inhumas, foi questionado sobre o que era Inhumas. “Tive que explicar que era uma cidade goiana”, relatou Lucas.

“Tudo o que ele mandou para cá, eu que sou oposição votei a favor. Ajudei a cortar minha própria emenda pela metade, apoiei a redução dos incentivos fiscais, aprovamos o Refis. Só isso que fizemos aqui representa R$2 bi a mais em um ano”, explicou o deputado.

Lucas também comentou o desentendimento com o governador Ronaldo Caiado (DEM) na Assembleia Legislativa. “Além de me menosprezar, o governador não respondeu o que eu perguntei. Isso foi uma estratégia para não me responder, mas foi um caminho muito errado menosprezar a juventude que é a responsável pelas grandes mudanças no mundo”, disse.

No entanto, o parlamentar alega não torcer contra a gestão Caiado. “Não faço um julgamento tão extenso por ter apenas vinte e poucos dias de mandato”, finalizou.

5 respostas para ““Estão mentindo para prejudicar judicialmente o governo passado”, diz Calil sobre déficit”

  1. Avatar César Augusto Jorge Monteiro disse:

    Só o senhor nobre deputado diz isso, vários deputados inclusive o presidente eleito já falaram em problemas financeiros profundos no estado. A Secretaria do Tesouro Nacional diz que Goiás e o estado que mais maqueia contas publicas e a referencia e feita ao governo Marconi e Jose Eliton. Além do mais Caiado não e juiz para mandar prender e fazer arresto de bens. Acho que o senhor precisa deixar um pouco de lado o palanque e ver a realidade. se precisar vou ate sua casa bater na porta quem sabe o senhor acorda e vem para realidade. Como cidadão quero que o senhor justifique os prefeitos estão mentido e relação a Goiás na frente , transporte escolar, obras inacabadas .O TCE o STN estão mentindo.se formos falar aqui em todas as mazelas vamos escrever um livro. Primeiro o senhor justifique as mazelas do seu governo que tanto defende e depois faça oposição.

  2. Avatar Rosa Maria de Jesus disse:

    O governador está dismerecendo os gouanog q votaram nele, trazendo pessoas de outro estado p ocupar os cargos de confiança , fazendo os goianos de trouxas , agora fica matando na unha os funcionários públicos.Ele precisa rever os conceitos e deixar de nós preceguir pando os salários do mem de dezembro.

  3. Avatar Maria da Glória Sales disse:

    Na verdade o Governo atual só pensa em se vingar do Marconi Perillo e arranarr um jeito do governo federal resolver os problemas de Goias , porque ele não consegue .

  4. Avatar Alba Borges de Medeiros disse:

    Concordo

  5. Avatar Aníbal Ferrante Gomes disse:

    Vddd Lucas, só de mentiras esta agindo esse governo.O q ele prometeu de tirar TODOS os comissionado do Tce, tirou uns e admitiram o dobro e com salários bem maiores. Vergonha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.