Lotes, casas, chácaras e apartamentos do Estado estarão à venda para qualquer pessoa no próximo ano. Ao todo, serão 33 imóveis que serão comercializados pela Agência de Fomento de Goiás (GoiásFomento), órgão do governo estadual.

Os interessados, pessoas físicas ou jurídicas, têm até o dia 28 de janeiro para participar do processo de venda. Todos os imóveis estarão disponibilizados para consultas pela internet. No entanto, a intenção de compra é mediante entrega de proposta em um envelope fechado, feita presencialmente na sede do órgão, na Avenida Goiás.

Cada imóvel pode ser adquirido à vista ou com o pagamento parcelado. Levará aquele que fizer a maior oferta. Os bens já passaram por dois leilões públicos, no entanto não chegaram a ser comercializados. Os imóveis estão localizados em 21 municípios goianos, com preços atrativos. Fotos, valores e demais detalhes dos imóveis estarão disponíveis pelo o site da GoiásFomento.

O presidente da GoiásFomento, Eurípedes do Carmo, afirmou que todo o valor arrecadado com a venda dos imóveis será revertido em crédito para empreendedores goianos. “Nosso objetivo é sempre atender os pequenos empresários e produtores que geram emprego e renda para nosso estado, com opções de crédito competitivas para que invistam nos seus negócios”, salientou.