Estado Islâmico ataca igrejas no Egito e mata 36

Bombas explodiram em Tanta e Alexandria, deixando mais de 74 feridos durante comemorações do Domingo de Ramos

O grupo terrorista Estado Islâmico cometeu dois atentados a bomba na manhã deste domingo (9/4) em duas igrejas coptas (vertente do Cristianismo) no Egito. Em comunicado enviado a simpatizantes do grupo e divulgado pelas redes sociais, os terroristas confirmaram que ordenaram os ataques.

De acordo com último balanço divulgado pelas autoridades locais, pelo menos 36 pessoas morreram e 74 ficaram feridas após as duas explosões. Os fiéis foram atingidos no momento em que participavam de uma missa em comemoração ao Domingo de Ramos, celebração que marca o início da Semana Santa.

A primeira explosão foi registrada em Tanta, a cerca de 100 quilômetros do Cairo, capital do país. Duas horas depois, a segunda bomba explodiu em Alexandria, no norte do Egito. Ainda não foram divulgadas informações sobre suspeitos dos dois atentados.

As explosões ocorrem a 20 dias da primeira viagem do papa Francisco ao Oriente Médio. O papa deve chegar ao Egito no dia 28 de abril, quando se reunirá com autoridades do governo, lideres muçulmanos e com o papa da Igreja Copta Cristiniana, Teodoro II.

Uma resposta para “Estado Islâmico ataca igrejas no Egito e mata 36”

  1. O inimigo do Cristianismo está à solta. Deus proteja os irmãos Coptas do Egito.
    E que Francisco saiba que o Islã não é, definitivamente, uma religião de paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.