Escolas de Goiânia têm oferecido apenas arroz e feijão a alunos, denuncia vereador

Ainda haveria casos de unidades de ensino de tempo integral que têm dispensado alunos por falta de almoço

Durante sessão nesta terça-feira (21/3), os vereadores de Goiânia denunciaram a falta de qualidade da merenda escolar na rede municipal de ensino da capital. Jorge Kajuru (PRP) citou casos de escolas que estariam oferecendo apenas arroz e feijão, e outras que distribuem apenas três bolachas para cada estudante como refeição.

Denúncia feita, parlamentares usaram a tribuna para demonstrar indignação sobre a situação dos alunos no município. Vinícius Cirqueira (Pros) lembrou que não se pode culpar a administração anterior por esses problemas, assim como tem feito a gestão do prefeito Iris Rezende (PMDB) desde o primeiro dia de mandato. “Já fazem 90 dias desde que atual administração assumiu e essa deveria ser uma prioridade”, endossou.

O vereador Elias Vaz (PSB), por sua vez, informou que o pagamento dos fornecedores já teria sido efetuado e, por isso, para ele, nada justificaria a falta da entrega dos alimentos nas escolas.

A vereadora Tatiana Lemos (PCdoB) acrescentou que recebeu informações de uma escola de tempo integral que estaria dispensando os alunos de participarem das atividades no turno vespertino por falta do almoço.

Resposta

Em nota enviada ao Jornal Opção, a Secretaria Municipal de Educação e Esporte informou que, com a mudança de gestão, foi preciso reiniciar os processos de aquisição de alimentos para a merenda escolar, mas ressalta que o fornecimento de itens do cardápio está dentro da normalidade. Confira abaixo a íntegra da nota:

A Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) informa que, com a mudança de gestão, foi preciso reiniciar os processos de aquisição de alimentos para a merenda escolar, além disso, novos contratos de fornecedores estão em tramitação. Ressalta que o fornecimento de itens do cardápio está dentro da normalidade.

Secretaria Municipal de Educação e Esporte

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.