Entenda porque o primeiro trimestre é período de maior risco da gestação

Alguns cuidados simples podem evitar problemas que causam aborto

Foto – Divulgação

Descobrir que está gerando uma vida é a realização de um sonho para muitas mães, mas o período traz, além de alegria, muita preocupação. Isso porque o primeiro trimestre da gestação é a epoca em que a gravidez corre mais riscos.

Nos primeiros meses é a fase em que o saco gestacional e, dentro dele, o embrião e a vesícula vitelínica, estão se instalando no útero da mãe.

A ginecologista e osbtetra Dra. Clarissa Japiassú explica que, nessa instalação, pode haver descolamento do saco gestacional, o que pode causar sangramento e até um aborto espontâneo. “Além disso, o embrião que ainda está em formação, pode estar se formando com algum problema genético. Ou seja, alguma má formação que também pode provocar o aborto”, explica.

A especialista alerta que nessa fase as grávidas devem ter mais cuidado com a prática de atividades físicas. “Se não fazia antes e for começar no primeiro trimestre, que seja uma atividade leve. Se já praticava antes, diminuir um pouco a intensidade. Por isso recomendamos mais natação, pilates, caminhada”, orienta.

Clarissa destaca que a musculação não é proibida nos primeiros três meses de gravidez, mas ela deve ser realizada com orientação adequada de exercícios para grávidas.

Outra preocupação deve ser com a alimentação. A grávida deve dar sempre preferência para alimentos saudáveis e bem preparados, com verduras bem lavadas, já que nessa fase a gestante fica naturalmente mais frágil com as mudanças sofridas pelo organismo.

Outra característica desse período é a presença de náuseas, sonolência e falta de disposição. “Dependendo do que a paciente ingere ao longo do dia esses sintomas podem aumentar, por isso é importante ter cuidado”. diz a especialista.

Não ingerir medicamentos por conta própria é outra preocupação que as gestantes devem ter, principalmente no início da gravidez. A ginecologista destaca que muitos remédios são proibidos nessa fase. “O que as grávidas precisam nesse momento é já começar a toma ácido fólico, que evita a má formação do tubo neural”, finaliza.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.