Enfermeira que matou Yorkshire é condenada a pagar indenização de 20 mil reais

No ano passado, ela já havia sido condenada por maus-tratos contra o animal, com multa de R$2,8 mil e 340 horas de serviço comunitário

Em 2011, Camila Correia agrediu, na frente da filha de um ano, sua cadela | Foto: Reprodução/ vídeo

Em 2011, Camila Correia agrediu, na frente da filha de um ano, sua cadela | Foto: Reprodução/ vídeo

Bruna Aidar

A enfermeira Camila Correia, que matou um cachorro Yorkshire em Formosa, foi condenada a pagar indenização de R$ 20 mil por danos morais coletivos. A agressão ocorreu em frente à filha da mulher, que tinha um ano e seis à época, o que foi considerado agravante.

A quantia será destinada ao Fundo Municipal do Meio Ambiente e ainda cabe recurso. A decisão partiu da juíza Marina Buchdid da 2ª Vara Cível, das Fazendas Públicas e de Registros Públicos de Formosa.

Em 2014, o Ministério Público protocolou uma ação civil contra a enfermeira. Camila foi condenada por crime de maus-tratos a animais, com o agravante de a filha ter assistido à cena. A pena de um ano e 15 dias foi convertida em 370 horas de prestação de serviço comunitário e multa de R$ 2,8 mil.

Abusar, promover maus-tratos, ferir e mutilar animais é crime, segundo o artigo 32 da lei 9.605 de fevereiro de 1998. A pena vai de três meses a um ano, com aumento de um sexto ou terço se o animal morrer.

Caso

Em 2011, Camila foi filmada pelos vizinhos agredindo a cachorra, inclusive usando um balde para atingi-la. A cadela foi levada a uma clínica veterinária, mas morreu dois dias depois, em decorrência dos ferimentos. Em depoimento à Polícia Civil, a enfermeira afirmou que agrediu a cachorra porque ela havia feito cocô na casa inteira.

Os vizinhos entregaram as imagens ao 2º Distrito Policial de Formosa. O vídeo, que também foi divulgado na Internet, causou uma forte reação em todo o país. Camila recebeu várias ameaças e moradores da cidade protestaram em frente ao prédio onde ela morava.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Stelata Camargo

Maldita seja você, MONSTRO IMUNDO!