Enfermeira de São Paulo é primeira vacinada contra Covid-19 no Brasil

Mônica Calazans, de 54 anos, foi primeira pessoa imunizada fora dos estudos clínicos 

Logo após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovar o uso emergencial da CoronaVac, o governo de São Paulo aplicou a primeira dose fora dos estudos clínicos no Brasil.

A imunizada foi Mônica Calazans, de 54 anos, enfermeira, negra e moradora da zona leste da capital. Ela é viúva e mora com o filho, de 30 anos.

Mônica tem perfil de alto risco para a Covid-19, pois trabalha diretamente na linha de frente, é obesa, hipertensa e diabética.

Em entrevista coletiva, a enfermeira disse que está feliz por ter tomado a vacina e incentivou que todos façam o mesmo.

“Chegou a grande chance do povo brasileiro. Não tenham medo. Sou pessoa comum, profissional da saúde. E estou [trabalhando] na pandemia há 10 meses, trabalhando incansavelmente em dois hospitais. Falo com segurança e propriedade: não tenham medo. É a grande chance que a gente tem de salvar mais vidas”, acrescentou”, disse Mônica.

(Com informações da Agência Brasil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.