Enel Américas diz não ter interesse em vender a concessão de fornecimento em Goiás

Concessionária diz ter atingido metas estabelecidas pela Aneel, melhorado atendimentos e prevê novos investimentos

Fachada da enel Goiás | Foto: Reprodução

Por Marcos Aurélio Silva

A Enel Américas descartou definitivamente o interesse em vender a distribuidora em Goiás. Em nota divulgada à imprensa na tarde desta segunda-feira, 27, a empresa alegou que vem cumprindo as metas e que por isso não deseja repassar à concessão para outra empresa do setor.

A venda da Enel foi sugerida pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), após uma reunião entre com a direção do Grupo Enel, Livio Gallo, e com o diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Rodrigo Limp, realizada no dia 14 de janeiro. Caiado chegou a apontar que a EDP, que opera em São Paulo e no Espírito Santo, teria interesse em comprar a Enel Distribuição Goiás.

A resposta da Enel veio 13 dias após a reunião. Na nota, a empresa diz ter cumprido todas as metas prevista no plano de ação acordado com o Ministério de Minas e Energia (MME), a Aneel e o Governo Estadual. Além disso, a empresa afirma que no ano passado o tempo médio de duração das interrupções no fornecimento de energia por cliente (DEC) foi reduzido em 5 horas, o que representaria uma melhora de mais de 20%.

A nota da Enel traz a posição de seu gerente-geral das Americas, Maurizio Bezzeccheri, que diz não ter “nenhum interesse em vender a concessão”, e que a empresa vai “seguir dedicando todos os esforços para continuar melhorando a qualidade do serviço”.

A empresa também afirma que somente este ano, investirá mais de R$ 1 bilhão em sua área de concessão, montante, que segundo a enel, é aproximadamente cinco vezes maior do que os níveis históricos investidos antes da privatização.

Embate

O embate entre o governo de Ronaldo Caiado e a concessionária italiana já se estende por meses. O governador chegou já chegou a ponto de qualificar a situação como de “calamidade pública”. O governador aponta que os problemas gerados pela Enel impedem que novos empreendimentos se instalem em Goiás.

O Estado já assinou dois acordos com a empresa, que não cumpriu as medidas acertadas. Foi da insatisfação e dos constantes embates que surgiu a sugestão de Ronaldo Caiado de  transferência de ativos da Enel para outra instituição que realize a distribuição de energia elétrica com a qualidade esperada.

No entanto, para que isso ocorra, as partes envolvidas têm de aceitar o acordo. O que não ocorre por parte da Enel.

Veja nota da Enel na íntegra:

 ENEL AMÉRICAS DESCARTA INTERESSE EM VENDER DISTRIBUIDORA DE GOIÁS 

  • Em 2019, a Enel Distribuição Goiás cumpriu todas as metas previstas no plano de ação e investimento acordado em agosto com o Ministério de Minas e Energia (MME), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e o Governo Estadual. 
  • Os indicadores de qualidade medidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica alcançaram os melhores níveis da história da distribuidora, significativamente melhores do que os limites regulatórios estabelecidos no contrato de concessão.

 Goiás, 27 de janeiro de 2020 – A Enel Américas reafirma o compromisso assumido desde a aquisição da distribuidora Celg-D – hoje Enel Distribuição Goiás – em fevereiro de 2017 para trabalhar pela recuperação do sistema elétrico do Estado, depois de anos de baixos investimentos.  

“Não temos nenhum interesse em vender a concessão. Vamos seguir dedicando todos os nossos esforços para continuar melhorando a qualidade do serviço, tal como anunciamos quando fomos os únicos ofertantes no leilão de privatização da distribuidora Celg-D. Somente este ano, a Enel Distribuição investirá mais de R$ 1 bilhão em sua área de concessão, montante aproximadamente cinco vezes maior do que os níveis históricos investidos antes da privatização”, explicou o gerente-geral da Enel Américas, Maurizio Bezzeccheri.

Desde o início da concessão em 2017, os investimentos realizados em Goiás têm resultado na melhora dos indicadores de qualidade medidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica. Em novembro de 2019, o tempo médio de duração das interrupções no fornecimento de energia por cliente (DEC) reduziu cerca de 5 horas, uma melhora de mais de 20%. O número médio de interrupções por cliente (FEC) registrou uma redução de cerca de 40% no mesmo período.

Como resultado do trabalho realizado em Goiás, a empresa recebeu o prêmio Abradee em 2018 e em 2019 na categoria “evolução do desempenho”, pela melhora significativa na performance da companhia, incluindo a melhoria da qualidade do serviço prestado aos clientes.

 “Em 2019, a Enel Distribuição Goiás cumpriu todas as metas estabelecidas no plano de ação e investimentos acordados em agosto com o Ministério de Minas e Energia (MME), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e o Governo Estadual e, em 2020, continuará cumprindo o plano de forma acelerada. A companhia mantém reuniões periódicas com o Ministério de Minas e Energia, o órgão regulador e o Estado de Goiás para monitorar o avanço das ações estabelecidas no plano”, assegurou o gerente-geral da Enel Américas, Maurizio Bezzeccheri.

Durante o segundo semestre de 2019, a Enel Américas, por meio da Enel Distribuição Goiás, acrescentou 102 MVA de potência instalada ao sistema elétrico goiano, totalizando 102% do previsto para o período, e concluiu 709 novas conexões rurais, alcançando 103% do acordado.  Em dezembro, a companhia entregou duas novas subestações, uma em Mineiros e outra em Anápolis, e uma grande ampliação na subestação Trindade, beneficiando, juntas, mais de 254 mil clientes. Nesta semana a Enel Américas inaugurou a ampliação e a modernização da Subestação Caldas Novas, que beneficiará cerca de 47 mil clientes. Até o fim de 2020, mais seis subestações serão concluídas e outras 120 serão ampliadas e modernizadas.

A Enel Américas reafirma o seu compromisso de transparência e, por isso, seguirá informando, tal como tem sido feito até o momento, trimestralmente ao mercado os resultados financeiros e operativos de Goiás nas apresentações de resultados. A empresa seguirá trabalhando para melhorar a qualidade do serviço para os clientes de Goiás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.