Em visita de Caiado, secretária da Economia defende desenvolvimento sustentável com equilíbrio fiscal

“Somos uma equipe. Uma equipe formada por várias subsecretarias e que está unida de fato”, garantiu Cristiane Schmidt

Foto: Divulgação

O governador Ronaldo Caiado (DEM) esteve na Secretaria de Economia, nesta quinta-feira, 5, com a titular da pasta, Cristiane Schmidt, para ouvir demandas dos servidores locais e manifestar seu apoio. Além disso, o democrata conversou com os presentes acerca da recuperação financeira de Goiás e sobre ações para reduzir diferenças regionais no território goiano.

“Esse clima de buscar uma alternativa conjunta, com cada um dos setores mostrando o que está fazendo, avançando, me alegra profundamente. Vocês têm o apoio do governador do Estado de Goiás para exercerem, na plenitude, as suas funções”, destacou Caiado e defendeu que toda ação de governo deve ser conjunta para alcançar o sucesso. “É possível governar com ética e com transparência. E conseguir resultados substantivos, não deixando tantas desigualdades no Estado de Goiás”.

Equilíbrio fiscal

Schmidt, por sua vez, reforçou a necessidade de um desenvolvimento sustentável com equilíbrio fiscal. Para a recuperação econômica, ela enfatizou um tripé que inclui planejamento/orçamento, tesouro e receita. 

“Quando você junta todo mundo, a discussão fica muito mais rica. Quem está planejando tem que planejar olhando o caixa. É uma tendência nacional, você tem que sonhar, mas tem que sonhar dentro da realidade orçamentária”, observou.

Unidade

Ainda durante a vista, Caiado analisou dados das Superintendências de Tecnologia da Informação, de Controle e Fiscalização, de Informações Fiscais, de Recuperação de Crédito, do Comitê Interinstitucional de Recuperação de Ativos (Cira), do Conselho Administrativo Tributário (CAT), do Batalhão da Polícia Militar Fazendária (BPMFAZ), da Subsecretaria do Tesouro e do Instituto Mauro Borges (IMB).

Cristiane, durante o encontro, explicitou ao gestor que muito trabalho tem sido feito nestes oito meses, mas que ainda há muito a se fazer. “Somos uma equipe. Uma equipe formada por várias subsecretarias e que está unida de fato”, exclamou ela.

Sobre essa interação entre as áreas da Economia, Caiado celebrou e ressaltou a importância do diálogo. Para ele, o ideal é que, cada vez mais, se tenha esse processo de entendimento, de fala, de críticas e propostas a serem apresentadas. “É impossível governar sem vocês, seria um erro primário”, elogiou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.