Em visita a Pontalina, Caiado prevê reparação das pontes interditadas em 15 dias

“Retomaremos totalmente a trafegabilidade, tanto da rodovia que liga Pontalina a Aloândia, quanto no acesso do município à Goiânia”, disse Caiado

Visita do governador em áreas afetadas pelo rompimento em Pontalina | Foto: divulgação

O governador Ronaldo Caiado (DEM) visitou nesta terça-feira, 7, as áreas afetadas pelo rompimento da barragem de Pontalina. Segundo o governador, as obras para reparar a GO-040 e GO-215, interditadas após episódio, terão celeridade e devem ser concluídas em 15 dias.

“As equipes da Goinfra, em parceria com o prefeito [Milton Ricardo], conseguiram grandes avanços para resolvermos o mais rápido possível. Creio que, no máximo em 15 dias, retomaremos totalmente a trafegabilidade, tanto da rodovia que liga Pontalina a Aloândia, quanto no acesso do município à Goiânia”, disse Caiado.

A primeira verificação foi na ponte da GO-040, para averiguar as condições da estrutura sobre o Rio Mateiro, na rodovia que liga Pontalina até Aloândia. “Houve um volume de água acima do que era possível ser comportado. A ponte está suspensa, sem a menor capacidade de suportar peso. Peço que nos perdoe a necessidade de fazer o desvio por terra, eu mesmo passei por ele, um trecho de oito quilômetros, mas foi inevitável. Temos essa responsabilidade de não correr o risco de causar o comprometimento da estrutura, como também um acidente grave”, preveniu Caiado.

Posteriormente, a comitiva do governador seguiu para a ponte na GO-215. “Esta aqui também está sendo preparada com o que eles chamam de gabião, que são estruturas pesadas para que volte a ter suporte, encosto, dando novamente sustentação à passagem do transporte com carga”, explicou Caiado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.