Até o momento cerca de quatro mil apresentaram resultado positivo, aponta balanço. Quarta semana será iniciada na próxima segunda, nas regiões Sul e Campinas Centro

Prestes a iniciar a quarta semana de testagem ampliada da Covid-19, a Prefeitura de Goiânia afirma em balanço que ter testado mais de 34 mil pessoas desde o início da ação, há três semanas. Do total de testes, mais de quatro mil apresentarem resultados positivos, informa a Secretaria de Saúde.

Na próxima segunda-feira, 21, a gestão municipal dará início aos trabalhos de testagem nas regiões Sul e Campinas Centro. No total, 109 bairros foram escolhidos por critérios epidemiológicos dos últimos 14 dias.

Região Sul

A região Sul será a primeira a receber as equipes de testagem. De segunda-feira, 24, a sexta-feira, 28, das 8h às 17h, haverá pontos para realização dos testes no Centro Popular de Abastecimento de Lazer (Cepal) do Jardim América, somente na modalidade de drive-thru e na Escola Municipal Moacir Mondar Brandão, ao lado do Cepal, serão atendidos os pedestres.

Campinas Centro

Já na região Campinas Centro os testes se iniciam na quinta-feira (27/08) e vão até sábado (29/08), também das 8h às 17h. A testagem acontecerá na Escola Municipal Santa Helena, Vila Paraíso na Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA) (Parque Agropecuário). Nos dois locais haverá atendimento nas modalidades de drive-thru e pedestre.

Critérios

Poderão realizar o teste pessoas acima de 12 anos e que não apresentem sintomas. A orientação é que, aqueles que tiverem algum sintoma procure uma unidade de saúde. O teste de antígeno é realizado a partir do material coletado no nariz com swab, que são espécies de hastes flexíveis. O resultado fica pronto em cerca de 20 minutos após a coleta.

Vacinação contra sarampo e gripe

Conforme informa a SMS, aproveitando o grande fluxo de pessoas nos locais de testagem, a pasta continuará realizando a vacinação contra sarampo e gripe (influenza) nas pessoas que apresentarem resultado negativo para a Covid-19. Podem se vacinar contra sarampo quem tiver entre 20 e 49 anos, independente do número de doses tomadas anteriormente. No caso da gripe, podem se vacinar pessoas de todas as idades que ainda não foram imunizadas este ano.