Em Porangatu, Vanuza Valadares lidera intenção de votos e tem a menor rejeição

Pesquisa aponta que 38% do eleitorado ainda não sabe em quem vai votar

Vanuza Valadares: Candidata em Porangatu | Foto: Reprodução

Pesquisa do Instituto Voga Brasil, em Porangatu, mostra que apesar de a candidata Vanuza Valadares (Pode) liderar a disputa pela prefeitura, grande parte do eleitoral não definiu o voto nestas eleições. No levantamento espontâneo, 38% não souberam ou não opinaram em quem votariam.

Já 23,5% dos entrevistados afirmaram que, se as eleições fossem hoje, votariam em Vanuza; 18% votariam em Márcio Luís (MDB); Pedro Fernandes (PP) tem 15,5%; Jose Uilton (PT) aparece com 3,5%; e 1,25% votariam nulo ou branco.

O levantamento foi realizado no período de 17 e 18 de 2020 e ouviu 400 pessoas. A margem de erro é de 3,9 para mais ou para menos, com uma confiabilidade de 95%.

Estimulada

Na pesquisa estimulada, Vanuza Valadares tem 32% das intenções de voto, contra 26,25% de Márcio Luís. O candidato Pedro Fernandes aparece com 20,75% e José Uilton registra 9% das intenções de votos. Já 7,25% não souberam ou não opinaram e 4,75% votariam branco ou nulo.

A pesquisa estimulada também aponta o índice de rejeição aos candidatos para prefeito. Em Porangatu, 47,75% dos entrevistados não rejeita nenhum nome. Pedro Fernandes é o nome mais rejeitado com 15,75%; em seguida vem José Uilton com 12,25%. Márcio Luís aparece com 10%; e Vanuza Valadares tem 4,25% de rejeição. Outros 10% rejeitam todos os nomes.

Avaliação do governador

A pesquisa também mediu o índice de aprovação da gestão do governador Ronaldo Caiado (DEM) e do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em Porangatu. Para 48,25% dos entrevistados, a gestão de Caiado é boa; 28,5% consideram regular; 9,25% ótima. Outros 7,25% consideram ruim; 6,25% péssima e 0,50% não souberam ou não opinaram.

Já a gestão do presidente Jair Bolsonaro é considerada boa por 47% dos entrevistados; 22,75% consideram regular; enquanto 13,75% avalia como ótima. Outros 9% avaliam como péssima; e acham 7% ruim. Já 0,50% não souberam ou não opinaram.

A pesquisa foi registrada no TSE nº GO-06530/2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.