Em Goiás, etanol apresenta queda de 3,53%

No Centro-Oeste, etanol está 51% mais caro se comparado ao início de 2021. Apesar de baixa de 6,8% do etanol em dezembro de 2021, a região se destacou entre as outras com o maior preço médio para a gasolina

O último Índice de Preços Ticket Log (IPTL) apontou que o etanol vendido no Centro-Oeste do Brasil teve uma queda de 6,8% no fechamento de dezembro de 2021, maior recuo entre todas as regiões brasileiras. O valor que, em novembro, estava em R$ 5,736, baixou para R$ 5,346. A média para o combustível também é a menor entre as demais regiões do país. Porém, mesmo com diminuição, o valor ainda está 51% mais caro se comparado ao mês de janeiro do ano passado.

Em Goiás, o etanol apresentou uma baixa de 3,53% no preço e também o menor valor médio da região para o mesmo combustível, sendo de R$ 5,145. Os postos goianos comercializaram a gasolina por um valor 2,65% mais barato em relação a novembro, passando de R$ 7,203 para R$ 7,012. O diesel comum e o S-10 também registraram quedas de 1,53% e 1,44%, respectivamente.

Em contrapartida, apesar de registrar um recuo de 1,54% no preço, a gasolina do Centro-Oeste fechou o ano sendo a mais cara do Brasil, com valor chegando a R$ 6,951. No comparativo com o mês de janeiro de 2021, o custo do combustível ficou 42,8% mais elevado. Apesar do recuo de 2,77% em relação a novembro, a gasolina do Distrito Federal fechou o mês de dezembro com o valor mais caro no comparativo entre os quatro Estados que compõem o Centro-Oeste, a R$ 7,027 o litro. O mesmo ocorreu com o diesel comum, que fechou a R$ 5,817, e não registrou baixa e, sim, alta de 0,55%.

Já o Mato Grosso possuiu a gasolina mais barata do Centro-Oeste, com média de R$ 6,865. A maior baixa para o preço do etanol foi encontrada nos postos mato-grossenses, de 4,50% – o valor que em novembro estava R$ 5,461 passou para R$ 5,215. Já o diesel S-10 do Estado foi encontrado ao maior valor médio (R$ 5, 940). O Mato Grosso do Sul registrou a maior média entre os Estados para o etanol (R$5,678). Em contrapartida, comercializou o diesel comum e o S-10 com as menores médias, a R$ 5,489 e R$ 5,583 respectivamente.

“Mesmo com preços ainda altos, identificamos importantes baixas no preço dos combustíveis comercializados no Centro-Oeste, de acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL). O etanol teve 6,80% de recuo, a maior baixa entre todas as Regiões brasileiras. Para os motoristas do Centro-Oeste, na relação 70/30, a gasolina é a opção mais econômica em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Já o etanol é a melhor opção de abastecimento em Goiás”, destaca Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Ticket Log. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, possui mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.

Comparativo dos valores dos combustíveis no mês de novembro e dezembro de 2021 | Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.