Em Goiás, Bolsonaro diz que ficar em casa é covardia e que nunca se afastou de buscar vacina

Presidente também fez críticas aos governadores que adotam medidas de restrição para conter o avanço da doença

Em cerimônia de inauguração do trecho de 172 km da Ferrovia Norte-Sul, entre São Simão (GO) e Estrela D’Oeste (SP), nesta quinta-feira, 4, no município goiano, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a criticar o isolamento social como forma de combater a pandemia de Covid-19. “Chega de mimimi. Vamos chorar até quando?”, afirmou.

O presidente também fez críticas aos governadores que adotam medidas de restrição para conter o avanço da doença, no contexto em que 9 estados possuem taxas de ocupação de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) próximas a 90%.

“É preciso rever a política do ‘fecha tudo'”, disse Bolsonaro. Ele criticou os governadores e prefeitos taxando a política de isolamento social de “forma ignorante” de combater o coronavírus. Além disso, chamou a Organização Mundial de Saúde de “desacreditada” e que “nem ela recomenda o ‘lockdown’.

Bolsonaro ainda voltou a recomendar o que chama de tratamento precoce contra Covid-19. O presidente ainda salientou que nunca se afastou da vacina contra a doença e que só recomendou que os imunizantes passassem pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Além disso, celebrou fim do financiamento das Ongs, que teria acabado com as invasões do MST, elogiou o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e criticou reservas indígenas. O presidente ainda afirmou que a imprensa se tornou um “partideco de esquerda” e que não há corrupção no governo federal há 2 anos.

Norte-sul

Sobre a inauguração do trecho da Norte-Sul, Bolsonaro pouco falou. Bolsonaro agradeceu a iniciativa privada e que em 2021 deve concluir a obra. “Esse modal ferroviário foi esquecido por décadas. Outras realizações virão. O trabalho que nosso governo faz é buscar destravar esses processos que alguns estão parados. Trabalhamos para ajudar a iniciativa privada”, afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.