Em Goiânia, Henrique Meirelles descarta vice de Alckmin

Sugestão foi levantada por integrantes do PSDB, mas o próprio presidente Michel Temer garantiu que a legenda terá candidato próprio

Foto: Larissa Quixabeira/Jornal Opção

Em Goiânia para receber título de cidadania pela Câmara Municipal na manhã desta quinta-feira (26/5), o ex-ministro da Fazenda e pré-candidato à presidência, Henrique Meirelles (MDB), descartou a possibilidade de concorrer à vice do também presidenciável Geraldo Alckmin, governador de São Paulo pelo PSDB.

A possibilidade foi tratada em reportagem do jornal “Estado de São Paulo” desta quinta. Segundo o emedebista, a sugestão foi aventada por integrantes do PSDB, mas o próprio presidente Michel Temer garantiu que a legenda terá candidato próprio.

“Evidentemente estamos abertos a conversar e dialogar com todos os partidos, mas meu projeto não é ser candidato a vice e sim ser candidato a presidente”, afiançou.

Em entrevista coletiva, o ex-ministro também aproveitou para defender a candidatura de Daniel Vilela (MDB) ao governo de Goiás. “Vamos trabalhar juntos e tenho certeza de que o resultado será extraordinário”, disse.

Questionado sobre como ficaria, neste caso, a aliança em nível nacional com o PSDB, já que, no Estado, o partido defende a candidatura do governador José Eliton, Meirelles afirmou que “qualquer aliança passa pelo apoio ao candidato do MDB”, afastando ainda mais a possibilidade de aliança com os tucanos.

Deixe um comentário