Em Formosa, governo do Estado lança vertente social do Goiás na Frente

Programas como Renda Cidadã, Jovem Cidadão e Cheque Reforma serão ampliados. Iniciativa pretende zerar número de famílias em situação de vulnerabilidade

Foto: Jota Eurípedes

O governo de Goiás lançou, na manhã desta sexta-feira (24/11), a vertente social do Goiás na Frente em Formosa, ocasião em que foram ressaltados os avanços em políticas públicas de amparo social a pessoas em situação de vulnerabilidade. O programa, criado pelo governador Marconi Perillo, é coordenado pelo vice-governador Zé Eliton, que não compareceu à solenidade devido às condições climáticas que impediram pouso de aeronaves no aeroporto do município.

Com o lançamento, do programa Goiás na Frente Terceiro Setor-Social, o Governo de Goiás anuncia que programas sociais, como o Renda Cidadã, Jovem Cidadão e Cheque Reforma serão ampliados. Além da ampliação, o programa pretende também zerar o número de famílias em situação de vulnerabilidade. Com a iniciativa, terão prioridade pessoas portadoras de deficiência física.

O Renda Cidadã, por exemplo, será elevado de 70 mil para 100 mil beneficiários. Além do número de famílias assistidas, o valor do repasse será ampliado. Atualmente os inscritos recebem R$ 80. Por meio do Goiás na Frente Terceiro Setor-Social esse valor será elevado para R$ 100.

A iniciativa também prevê incentivo às entidades sem fins lucrativos que desenvolvem ações para ajudar a população. Por meio do Reconhece Goiás, elas receberão um prêmio de R$ 20 mil. O uso do montante será decidido pelas próprias entidades beneficiadas.

Durante a solenidade, o governador Marconi Perillo foi representado pelo vice-presidente da Agência Goiana de Habitação, Warner Barbosa (Vavá), que falou sobre a iniciativa. “O governo de Goiás desenvolve várias ações, principalmente na área social, iniciativas que sensibilizam nossos governantes sobre a necessidade da presença do estado junto a pessoas em situação de risco”, disse.

Vavá lembra, também, das reformulações dentro do programa Cheque Reforma, da Agehab, que vai priorizar assistência a famílias que tenham pessoas com algum tipo de deficiência física. “Os repasses poderão ser utilizados, por exemplo, para readequações estruturais em suas casas, como construção de rampas de acesso para cadeirantes”, conclui.

A solenidade foi acompanhada ainda pela ex-vice-prefeita, Argentina Martins, que citou os investimentos que o governo empreende no município. “São rodovias, escolas, presídio, obras de grande relevância para nós, moradores de Formosa”, disse, ao transmitir um abraço do ex-prefeito, Tião Caroço.

Presidente do Coletivo Juventude na Política, Marcus Viana, falou em nome de todos os representantes de entidades do terceiro setor de Formosa. “Governador Marconi e o vice-governador Zé Eliton têm uma visão da necessidade de realmente estarem próximos do povo, sabendo da realidade que vivemos”, relatou.E completou: “parabenizo, em nome das entidades de Formosa, o governo. Precisamos muito desse apoio. Que possamos estar alegres por saber que temos um governo que apoia o povo, o terceiro setor”, ressaltou o representante.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.