Em discurso de posse, Bruno Peixoto deu destaque à transparência exigida pela população

Emedebista agradeceu a indicação para liderança do Governo e destacou matérias aprovadas nos primeiros dias de 2019

Foto: Nathan Sampaio/Jornal Opção

O deputado estadual Bruno Peixoto (MDB) fez discurso em nome do Legislativo durante cerimônia de posse na Assembleia Legislativa, nesta sexta, 1º. Ele começou a fala pedindo 1 minuto de silêncio em memória das vítimas da tragédia em Brumadinho, Minas Gerais.

Em cumprimento às autoridades presentes na solenidade, o emedebista aproveitou para homenagear o correligionário, prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB). “Em quem eu me espelho na minha vida pública”, disse.

Bruno ainda fez cumprimento à imprensa, criticando a onda de fake news. “A imprensa séria livre e atuante precisa ser valorizada como um dos pilares da democracia, a desinformação desvia a atenção dos problemas que precisam ser enfrentados com urgência”, destacou.

O parlamentar também ressaltou a crise econômica que vive o Estado e elogiou as medidas tomadas pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), para contornar a situação. “Vai trazer de volta a fartura às famílias de Goiás, mesmo que tenha que tomar medidas duras”, pontuou.

Com esse gancho, ele agradeceu ao democrata por ter lhe indicado para ser líder do Governo na Casa. “Obrigado pela confiança”, disse. Peixoto ainda agradeceu os parlamentares da legislatura passada por sua atuação e destacou matérias aprovadas nos primeiros dias de exercício de Caiado.

Entre as matérias, o emedebista sublinhou a aprovação da reforma administrativa, do decreto de calamidade financeira, a apreciação da Lei Orçamentária Anual e, ainda de 2018, a votação do Orçamento Impositivo.

Bruno encerrou seu discurso apontando a transparência como principal meta da nova legislatura. “O terreno é fértil e o clima é próspero. Não faltam mãos dispostas a trabalhar e a colheira virá em breve e o principal beneficiado será a população de Goiás. O estado é laico, o poder racional, mas nós dependemos de Deus em tudo e por tudo damos graças a Deus”, finalizou.

Líder do governo

Em entrevista ao Jornal Opção, logo após a fala, o emedebista disse que seu trabalho na liderança do governo será de “ponte entre o Executivo e o Legislativo”. “Mostrando a importância dos projetos que serão apresentados pelo Governo, por meio do diálogo e eu tenho certeza que os deputados sempre vão entender”, afirmou.

Ele ainda destacou que a eleição da Assembleia, que pode nomear Lissauer Vieira (PSB) não deve impactar no andamento de pautas governistas na Casa.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.