Pessoas diagnosticadas positivamente nas últimas 24h representam número superior ao contabilizado durante todo o período de pandemia na cidade. Prefeito não descarta possibilidade de lockdown ainda esta semana

Foto: Reprodução

O município de Rio Verde registrava, na manhã da última segunda-feira, 8, 641 casos de pessoas confirmadas com o coronavírus (Covid-19). Acontece que, de ontem para hoje, a cidade sofreu uma guinada no número de infectados atingindo a casa dos 1415.

Ou seja, em 24h, 774 pessoas foram diagnosticadas positivamente. Isso representa um avanço superior ao número total de casos registrados ao logo de todo período de pandemia.

Vale lembrar que ontem, o prefeito do município, Paulo do Vale (MDB), informou, durante entrevista a uma rádio local, que logo após divulgar o boletim com o número de casos de coronavírus na cidade, ele teria recebido a informação de que mais de 280 colaboradores de uma empresa da região testaram positivo para a doença.

10 mil

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o prefeito pediu para que a população permaneça atenta e cumpra rigorosamente as orientações de isolamento social. “Preparamos nossa cidade talvez para um cenário menor do que esse que estamos vislumbrando, podemos chegar ao 10 mil (casos) se não tivermos um isolamento social”.

Paulo do Vale ressaltou que o município está preparado para atender até 6 mil pacientes com a Covid-19. Ou seja, se a população não cumprir o isolamento, a quantidade de respiradores disponíveis em Rio Verde poderá ser insuficiente em relação à demanda.

Lockdown

Além de anunciar que o município irá ampliar a testagem superando a marca dos 12 mil testes essa semana, o prefeito também enfatizou que seu último decreto recomenda que as pessoas permaneçam em casa.

Diante do possível não cumprimento das orientações, Paulo do Vale não descartou a possibilidade de determinar um lockdown ao longo da semana.

“O que está faltando [em relação ao decreto em vigência] seria o confinamento obrigatório das pessoas. Se tivermos que tomar essa medida, tomaremos durante ao longo da semana. Temos que preservar aqueles que querem preservar suas vidas”, destacou o gestor.