Elias Vaz e Eduardo Prado são escolhidos para presidência e relatoria da CEI da SMT

Vereador Cabo Senna (PRP) foi eleito vice-presidente em primeira reunião do colegiado nesta segunda-feira (27/3)

Vereadores realizam a primeira reunião da CEI da SMT | Foto: Divulgação/Assessoria

A Comissão Especial de Inquérito (CEI) que vai investigar os contratos da Secretaria Municipal de Trânsito (SMT) definiu na manhã desta segunda-feira (27/3) a presidência e relatoria do colegiado. Por unanimidade, foram escolhidos os vereadores Elias Vaz (PSB) como presidente, Cabo Senna (PRP) para vice-presidente e Eduardo Prado (PV) para a relatoria.

A partir desta primeira reunião, a CEI terá quatro meses de trabalho, prorrogáveis por mais 120 dias. Também fazem parte da comissão os vereadores Lucas Kitão (PSL), Anderson Sales Bokão (PSDC), Welington Peixoto (PMDB) e Izídio Alves (PR).

A Comissão quer apurar os contratos firmados pela Secretaria, como o de fotossensores, aquisição e manutenção de semáforos e compra de tintas para sinalização horizontal, entre outros. E também os motivos do sucateamento da frota, apesar de gastos anuais com manutenção, e os métodos de pintura da sinalização, que exigem reparos frequentes.

No primeiro dia de reunião a comissão aprovou diligência à SMT para verificar a atual situação do órgão. “Todos os membros da comissão precisam ver e comprovar o quadro de sucateamento da SMT. Com as informações em mãos poderemos trabalhar com mais eficiência trazendo resultados concretos, acabando com a impunidade e melhorando a prestação de serviço para a população”, explica Elias Vaz.

Além da eleição, foram aprovados quatro requerimentos com pedido de esclarecimentos endereçados à SMT. O primeiro solicita cópia de todos os contratos e notas fiscais referentes a Dataprom que é a empresa responsável pela sincronização dos semáforos na capital.

O segundo pede cópias do processo com a Trana Construções Ltda, responsável pela fiscalização por fotossensores em Goiânia. O terceiro pede informações sobre a atual situação do processo licitatório com a Eliseu Kopp para instalação e manutenção de fotossensores e o último solicita à área administrativa da SMT que informe o número de servidores daquela secretaria que estão à disposição em outros órgãos, deixando de prestar serviço de agentes de fiscalização de trânsito.

Outra decisão foi de que os documentos produzidos durante os meses em que a CEI funcionar, bem como os solicitados aos órgãos competentes, deverão ser digitalizados e disponibilizados pela internet para acesso do cidadão. (Com assessoria)

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jair Wellington

Começou bem com essa composição