Eleições nos EUA dão vitória para republicanos no Senado e democratas na Câmara

Mesmo com o resultado não tão favorável para seu governo, Trump comemorou no Twitter: “Foi um tremendo sucesso esta noite”

(Donald Trump | Foto: reprodução)

O resultado das eleições nos legislativas nos Estados Unidos significa uma derrota parcial do atual presidente Donald Trump. O Partido de Trump, o Republicano, ampliou sua vantagem no Senado, mas foi o Democrata que conquistou a maioria na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, o que não acontecia há oito anos. Até o momento, os democratas elegeram 219 deputados e os republicanos 193. Já no Senado, os republicanos estão com 51 cadeiras e os democratas 45.

As eleições desta terça-feira (6/11) renovaram um terço do Senado, além de mais de 75% dos governos estaduais. Até agora, os republicanos mantinham maioria nas duas casas. Mesmo com o resultado não tão favorável para seu governo, Trump comemorou. “Foi um tremendo sucesso esta noite. Obrigado a todos!”, disse no Twitter.

Segundo a porta-voz da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders, os resultados dos pleitos de metade de mandato representaram “uma boa noite” para o governante. “Atualmente, nos sentimos bem, foi uma boa noite para o presidente até este momento”, declarou.

No Senado, os democratas perderam três cadeiras, nos estados de Indiana, Dakota do Norte e Missouri, o que fez com que os republicanos ampliassem sua atuação na Casa. A apuração ainda não foi concluída em cinco estado.

Dos 50 estados do país, em 36 tiveram eleições. Com as renovações nos estados, o partido Republicano terá 25 governadores e o Democratas 21. Até o momento, os números representam um crescimento positivo para os democratas, que antes só contavam com 16 governadores.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.