“Ele não teve visão de valorizar o Legislativo em Goiânia”, diz vereadora sobre Andrey

Dra. Cristina (PSDB) considerou “patética” a devolução de R$ 13 milhões para a Prefeitura por parte do presidente da Casa

Vereadora Cristina Lopes (PSDB) | Aquivo

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Andrey Azeredo (MDB), fez nesta quinta-feira, 20, um balanço da legislatura. Na ocasião, o vereador anunciou que devolve aos cofres públicos R$ 13 milhões de reais referentes a 2018. No ano passado, Andrey devolveu R$ 17 milhões, somando R$ 30 milhões em devolução no biênio.

“Nós fizemos readequações de contratos, para se ter ideia, só no contrato de manutenção predial nós tivemos uma redução de mais de 80% no valor gasto mensalmente. Redução com telefonia móvel, telefonia fixa, combustível, energia elétrica, otimizamos esses gastos. Tudo isso é zelo e respeito com o dinheiro do povo”.

No entanto, o balanço apresentado por Andrey foi alvo de críticas por parte de alguns vereadores. A vereadora Dra. Cristina (PSDB) considerou “patética” a devolução diante de tantos investimentos que poderiam ter sido feitos na Casa.

“Ele não teve essa visão de valorizar o Legislativo na cidade de Goiânia e de maneira patética devolve R$ 13 milhões somando R$ 30 milhões de devolução com o discurso de que esse dinheiro será aplicado. A gente não sabe nem como volta esse dinheiro, ele poderia ser usado na aplicação das emendas impositivas dessa casa, ou pra colocar em pleno funcionamento a TV Câmara ou pra instituir o processo de conexão de internet na Casa que nós não temos. É um discurso que não me convence, nós poderíamos oferecer um melhor trabalho para a população e recurso nos temos, tanto que estamos devolvendo”, criticou.

Andrey rebateu os julgamentos dizendo que “gestão ideal é utópica”. “Com relação a internet, quando nós recebemos a Casa realmente não tinha o sistema, hoje ele existe. Hoje a Câmara tem mais de dois mil acessos por dia na sua rede de Wifi. Com relação a outros gastos, eu tinha como meta fazer toda a reestruturação da TV Câmara, porém quando me apresentaram o valor estimado do orçamento me assustou. Vários milhões de reais só em equipamento. Prudência não faz mal a ninguém”, finalizou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.