Dono de bar de gelo é indiciado por venda de alimentos vencidos e propaganda enganosa

De acordo com delegado, há indícios de que bebidas mais baratas eram vendidas como se fossem de marcas mais caras. Garrafas com larvas foram encontradas

Este slideshow necessita de JavaScript.

O “Ice Bar”, bar feito de gelo instalado no Shopping Cerrado de Goiânia, foi interditado nesta terça-feira (30/5) pela Delegacia do Consumidor e pela Vigilância Sanitária Municipal.

De acordo com delegado Webert Leonardo Lopes da Silva Santos, da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (DECON), foi aberto um inquérito contra o dono por crime contra relações de consumo e publicidade enganosa. O proprietário, segundo ele, “só não foi preso em flagrante por que não estava no local”.

Webert disse que, além de não ter alvará de funcionamento, “há indícios fortes de que o bar armazenava alimentos impróprios para o consumo e vendia bebidas mais baratas como se fossem de marcas mais caras”.

O delegado acrescentou ainda que a saúde dos empregados estava em risco. “Havia fios expostos e, para se ter uma ideia, não há uma pia no local própria para limpeza”, declarou.

Shopping

O Jornal Opção entrou em contato com o shopping que preferiu não se manifestar sobre o caso.

Em razão da ocorrência relacionar-se direta e restritamente à loja Ice Bar, o Shopping Cerrado não se manifestará sobre o episódio, limitando-se apenas a reiterar seu respeito à atuação dos órgãos competentes.

Assessoria de imprensa do Shopping Cerrado

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.