Docway só chegará a Goiânia se houver demanda, explica responsável pelo aplicativo

Com médicos já cadastrados na capital, sistema online de marcação de consultas só chegará à cidade após medir a demanda e popularidade do serviço

Responsável pelo aplicativo acredita no sucesso do Docway em Goiânia | Foto: Divulgação

Responsável pelo aplicativo acredita no sucesso do Docway em Goiânia | Foto: Divulgação

Fábio Tiepolo, CEO e fundador do Docway, aplicativo que oferece consultas médicas na casa do paciente, explica que o serviço só chegará a Goiânia se houver demanda. Com médicos já cadastrados no Docway, Fábio pede que o goianiense baixe o aplicativo, disponível para iOS e Android, para que a empresa possa medir a popularidade e quantidade de solicitações médicas.

A previsão é a de que o Docway seja lançado na capital na próxima semana. “Estamos ansiosos para a expansão em Goiânia. Acreditamos ser um bom público.” O aplicativo Docway pode ser baixado nas lojas Google Play e App Store.

Lançado em Curitiba (PR) no ano passado, o aplicativo chegou a Belo Horizonte (MG) em novembro de 2015. De acordo com Fábio, a adesão ao serviço tem sido ótima. O Docway tem cerca de 4 mil usuários cadastrados e 400 profissionais que oferecem suas consultas pelo serviço.

A previsão do CEO do Docway é a de que o aplicativo esteja disponível em todas as capitais brasileiras ainda em 2016.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.