Após atingir o ápice estimado da doença, DF entrou em platô e, segundo o secretário Francisco Araújo, população deve se ater as recomendações sanitárias para evitar uma nova guinada da doença

O Distrito Federal (DF) já registrou 1.890 mortes por coronavírus (covid-19) e atravessa atualmente a fase mais crítica da doença. Segundo o secretário de Saúde, Francisco Araújo, a população precisa seguir as recomendações para evitar que o número de casos avance na capital federal.

Tecnicamente falando, o DF entrou em platô – quando o número de casos se estabiliza antes da queda. A informação foi repassada pelo secretário via redes sociais na última quinta-feira, 13.

Vale lembrar que a capital federal registrou, por dois dias seguidos, um recorde diário de contaminação. Para que a situação não se agrave, o secretário reforçou que a população deve seguir atentamente as recomendações sanitárias no intuito de frear a disseminação do vírus.