Diretoria Penitenciária anuncia transferência de mais de mil presos de Aparecida

A transferência dos detentos, que começou já neste sábado (5), se fez necessária, segundo a DGAP, para o início de uma série de reparos na Penitenciária Odenir Guimarães

Foto: Instagram/DGAP

Em uma coletiva realizada na manhã deste sábado, 5, na sede do Graer, em Goiânia, representantes da Secretaria de Segurança Pública (SSP) e da Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) anunciaram uma operação iniciada para a transferência de mais de mil presos da Penitenciária Odenir Guimarães, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia.

De acordo com Rodney Miranda, titular da SSP, a pasta tem trabalhado desde o início da gestão Caiado na “reestruturação e reorganização do sistema prisional goiano”, e a transferência dos detentos, que começou já neste sábado, se fez necessária para o início de uma série de reparos na Penitenciária Odenir Guimarães.

Ainda segundo o secretário, serão 1.133 detentos transferidos para outras unidades prisionais ao redor do Estado – o que corresponde a cerca de um terço dos presos. As reformas na Odenir Guimarães começarão na segunda-feira, dia 7 e, conforme Miranda, após as adequações, será possível inclusive trazer alguns presos de volta.

“Há muitos problemas de estrutura, de difícil acesso e o controle era muito difícil, devido aos penduricalhos, aos puxadinhos que foram feitos no decorrer dos anos”, detalha o secretário, em referência aos problemas que serão corrigidos na unidade.

O diretor-geral da DGAP, Agnaldo Augusto, destacou que as reformas, que se restringirão à Odenir Guimarães, ocorrem concomitante à convocação de 500 agentes de segurança prisional pelo governo do Estado, que está nomeando 50 servidores de cada vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.