Diplomas de graduação serão aceitos em todos os países do Mercosul

Acordo feito nesta terça-feira, 18, quer simplificar processo de revalidação de títulos

Foto: reprodução

Os países do Mercosul firmaram nesta terça-feira, 18, um acordo para simplificar o processo de revalidação de diplomas de graduação concedidos por integrantes do bloco, composto pelo Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai.

O texto foi assinado na 53ª Cúpula dos Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados, realizada em Montevidéu, no Uruguai. Os graduados não precisarão mais passar por um exame acadêmico para comprovar suas habilidades. A revalidação vai passar apenas por análise documental.

Os cursos inclusos no acordo são apenas os reconhecidos no Sistema Arcu-Sur (Credenciamento Regional de Cursos de Graduação e Estados Partes do Mercosul e Estados Associados). Os países associados ao Mercosul que assinaram o acordo que criou o sistema Arcu-Sur – Bolívia, Chile e Colômbia – também estão incluídos no acordo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.