Dilma reúne ministros para discutir plano de investimentos e concessões

Encontro ocorre em meio à discussão sobre o montante do Orçamento a ser contingenciado para alcançar a meta de superavit primário de 1,2% do PIB, em 2015

A presidente Dilma Rousseff (PT) está reunida desde o início da manhã deste sábado (25/4), no Palácio da Alvorada, em Brasília, com vários ministros para discutir o programa de investimentos em obras de infraestrutura e o novo pacote de concessões de aeroportos, rodovias, ferrovias e portos. A reunião ocorre em meio à discussão interna no governo sobre o montante do Orçamento a ser contingenciado para alcançar a meta de superavit primário de 1,2% do Produto Interno Bruto (PIB), em 2015.

Participam do encontro os ministros da Fazenda, Joaquim Levy; da Casa Civil, Aloizio Mercadante; do Planejamento, Nelson Barbosa; de Minas e Energia, Eduardo Braga; dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues; da Integração Nacional, Gilberto Occhi; das Cidades, Gilberto Kassab; da Agricultura, Kátia Abreu, e do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, além de representantes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

Em consequência da menor arrecadação e da crise econômica, que têm obrigado o governo a reduzir os gastos públicos e promover um ajuste fiscal, a equipe econômica defende mais investimentos privados e cada vez menos aportes do Tesouro em uma nova fase de obras de infraestrutura.

Na semana passado, durante a Reunião de Primavera do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Washington, nos Estados Unidos, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy antecipou que até maio o governo divulgaria o novo plano de concessões. Sexta-feira (24) à noite, a Fazenda divulgou nota sobre o fechamento de um acordo, em Washington, de uma parceria da pasta com o Banco Mundial para estudar um plano de investimento estrangeiros no Brasil.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.