Dilma reúne coordenação política após manifestações de rua

Ainda no domingo (13/3), Palácio divulgou nota elogiando o caráter pacífico dos protestos nas principais cidades do Brasil 

Um dia depois das manifestações que levaram milhares de pessoas às ruas, a coordenação política do governo promoveu reunião na manhã desta segunda-feira (14/3), no Palácio do Planalto, para avaliar os atos. Durou cerca de uma hora e meia.

Além da presidente Dilma Rousseff, participaram sete ministros, entre eles, o da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, o da Casa Civil, Jaques Wagner, e o da Secretaria de Comunicação Social da Presidência, Edinho Silva.

Os três já haviam se reunido ainda no domingo (13), no Palácio da Alvorada, com a presidente e com o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo. No domingo à noite, o governo avaliou, em nota, como própria das democracias a liberdade de manifestação e destacou que o caráter pacífico dos atos demonstra a maturidade de um país que sabe conviver com opiniões divergentes.

A reunião de hoje no Palácio do Planalto também contou com a presença dos líderes do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT-CE), e no Congresso, José Pimentel (PT-CE).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.