Dilma renomeia Marcelo Castro e Patrus Ananias como ministros

Ambos foram exonerados para votar à favor do governo em sessão da Câmara que aceitou pedido de impeachment. Celso Pansera e Mauro Lopes não constam na lista

 Fotos: Zeca Ribeiro/ Câmara dos Deputados (Patrus) e José Cruz/ Agência Brasil (Marcelo)

Patrus é ministro do Desenvolvimento Agrário e Marcelo Castro, da Saúde | Fotos: Zeca Ribeiro/ Câmara dos Deputados (Patrus) e José Cruz/ Agência Brasil (Marcelo)

A presidenta Dilma Rousseff renomeou os ministros da Saúde, Marcelo Castro, e do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias. As nomeações foram publicadas na edição desta terça-feira (19/4) do Diário Oficial da União.

Na semana passada, Dilma exonerou quatro ministros que têm mandato de deputado federal para que pudessem votar o processo de impeachment na sessão de domingo (17) no plenário da Câmara dos Deputados.

Três ministros exonerados eram do PMDB: Mauro Lopes, da Secretaria de Aviação Civil, Celso Pansera, da Ciência, Tecnologia e Inovação, e Marcelo Castro. Além deles, o petista Patrus Ananias também foi exonerado a pedido.

Apesar de Mauro Lopes ter acertado votar contra o impeachment com os outros ministros peemedebistas, acabou votando a favor do afastamento de Dilma. Dilma também exonerou, a pedido, Gilberto Kassab do cargo de ministro das Cidades e nomeou Inês da Silva Magalhães para substituí-lo interinamente.

Após o PSD declarar voto favorável ao impeachment, Kassab, presidente nacional da legenda, entregou na sexta-feira (15) sua carta de demissão ao Palácio do Planalto.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.