Dilma divulga nota de pesar pela morte do ex-ministro Rodolpho Tourinho

Ex-ministro de de Minas e Energia de Fernando Henrique Cardoso faleceu na manhã desta quinta-feira (7/5), em São Paulo. Ele estava internado no Sírio Libanês

A presidenta Dilma Rousseff manifestou, em nota, pesar pela morte do ex-ministro e registrou que ele foi um homem público com “elevado compromisso com seu país e com seu povo”. Dilma manifestou condolências à família e amigos do ex-ministro.

O ex-ministro e ex-senador baiano Rodolpho Tourinho morreu na manhã desta quinta-feira (7/5), em São Paulo. Tourinho estava internado no Hospital Sírio-Libanês desde o último dia 24 de fevereiro. A causa da morte não foi divulgada.

Tourinho foi ministro de Minas e Energia no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso entre 1999 e 2001. Filiado ao Democratas, foi também senador pela Bahia. Ele assumiu a vaga no Senado em 2003 com a saída de Paulo Souto, que tomou posse como governador da Bahia, e permaneceu no cargo até 2007. Tourinho foi ainda secretário de Fazenda da Bahia de 1991 a 1998.

O velório será realizado no Palácio da Aclamação, em Salvador (BA), a partir do início da manhã de sexta (8), de acordo com boletim divulgado pelo Hospital Sírio-Libanês.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.