Dilma depõe como testemunha de defesa da senadora Gleisi Hoffman

Senadora do PT e o marido, ex-ministro Paulo Bernardo, são acusados de receber R$ 1 milhão no esquema de corrupção da Petrobrás

Senadora Gleisi Hoffmann (PT) e a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) | Foto: Reprodução / Facebook

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) presta depoimento nesta sexta-feira (28/7), em Porto Alegre, na condição de testemunha de defesa da senadora Gleisi Hoffman (PT). A audiência está marcada para às 13 horas na Seção Judiciária do Estado do Rio Grande do Sul.

Gleisi e o marido, o ex-ministro das Comunicações Paulo Bernardo, são acusados pela Lava Jato de receber R$ 1 milhão do esquema de corrupção da Petrobras para custear a campanha eleitoral ao Senado, em 2010. A ação penal tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) por conta do foro privilegiado da parlamentar.

Além de Dilma, será ouvido nesta sexta o ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli, em depoimento marcado para às 17 horas na Justiça Federal da Bahia, em Salvador. Gabrielli também falará como testemunha de defesa.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.