Dia D: campanha incentiva cadastro para doação de medula óssea; veja quem pode doar

Diretora-técnica da Rede Hemo aponta importância de aumentar o cadastro de doadores. Alguns requisitos devem ser cumpridos

Rede Hemo incentiva pessoas a fazerem cadastro para doação de medula óssea. | Foto: reprodução Redome

A Rede Estadual de Hemocentros (Rede Hemo) realiza, neste sábado (18), uma ação para incentivar a população a fazer cadastro no banco mundial de doadores de medulo óssea. A campanha é intensificada por conta do “Setembro Verde”, que visa conscientizar as pessoas sobre a importância da doação de órgãos e tecidos.

O Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome) registra que a probabilidade de encontrar um doador de medulo compatível é de 1 para cada 100 mil habitantes. “Quanto mais pessoas cadastradas, maiores serão as chances dos pacientes que aguardam na fila de transplante”, explicou a diretora-técnica da Rede Hemo, Ana Cristina Novais.

Segundo a profissional, Goiás tem 630 pacientes inscritos no Registro Nacional de Receptores de Medula (Rereme), que já realizaram busca de doador fora da família. Além disso, são 217 pessoas inscritas como voluntárias. Deste modo, a diretora-técnica apresenta a importância de aumentar o cadastro. “Os hemocentros são únicos locais para realizar o cadastro. Caso haja um doador compatível em qualquer lugar do país, ele é acionado e tem todas as despesas de deslocamento e hospedagem custeadas pelo Ministério da Saúde”, explicou Ana Cristina.

Como é feito o cadastro:

Para ser doador é preciso preencher alguns requisitos:

– ter entre 18 e 35 anos de idade;

– Estar em bom estado geral de saúde;

– Não ter doença infecciosa ou incapacitante;

– Não apresentar doença neoplásica (câncer), hematológica (do sangue) ou do sistema imunológico.

Para aqueles que já fizeram o cadastro, é preciso mantê-lo atualizado, o que pode ser feito pelo site.

O Setembro Verde é marcado por duas datas relevantes para conscientização: o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea (18/9) e o Dia Nacional da Doação de Órgãos (27/9).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.