Autarquia pagava R$ 3,56 por unidade impressa. Com a troca da empresa, o valor passará para R$ 0,60 por documento

Detran regulariza emissão de documentos | Foto: Detran

A emissão de Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo e Cerificado de Registro de Veículos (CRV e CRLV) foi regularizada nesta quarta-feira, 6, pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO). O órgão imprimiu mais de 26 mil unidades.

A impressão dos documentos em larga escala se deu após um um acordo formalizado com a empresa que detinha o contrato com a autarquia, até que haja a homologação e instalação da empresa vencedora da nova licitação. A demanda reprimida dos últimos dias deve ser normalizada até sexta-feira, 8.

O serviço vinha ocorrendo em regime especial desde a última sexta-feira, 1, devido à reestruturação ocorrida após a conclusão de processo licitatório para escolha de empresa responsável por realizar as impressões.

Em Goiás, são entregues cerca de 200 mil documentos de veículos por mês. A autarquia pagava R$ 3,56 por unidade impressa. Com a troca da empresa, o valor passará para R$ 0,60 por documento, o que levará a uma economia de 83%, representando cerca de R$ 550 mil por mês (R$ 6,6 milhões ao ano), para os cofres públicos.

As mudanças promovidas no Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO) neste ano geram uma economia direta e indireta para os goianos na ordem de R$ 150 milhões. Para o cálculo, foram computadas a redução no preço de serviços, revisão de contratos, extinção de procedimentos desnecessários que oneravam o cidadão.

Para minimizar o impacto da transição, o usuário tem a opção de utilizar a versão eletrônica do CRLV. Ela pode ser obtida por meio do aplicativo do Denatran (Carteira Digital de Trânsito), disponível na Google Play e Apple Store.