Deputados debatem indicação de parente de Caiado ao Conselho Estadual de Educação

Professora Naiara Caiado Paranhos é uma das indicadas para representar Secretária de Educação no CEE

Deputados debatem indicação de parente de Caiado ao Conselho Estadual de Educação
Foto: Nathan Sampaio/Jornal Opção

Em sessão na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), deputados da oposição e da situação entraram em confronto durante sessão que nomeava integrantes do Conselho Estadual de Educação. Isso, porque uma das indicadas é a professora Naiara Caiado Paranhos.

Pelo sobrenome é de se imaginar o que gerou o atrito. Deputados da oposição criticaram a indicação de uma pessoa que é parente do governador Ronaldo Caiado (DEM). “Ele condenou nomeação de parentes e conchavos, mas uma das indicadas tem parentesco de quarto grau com o governador, nada contra a capacidade técnica da professora, mas é questão de incoerência dentro do governo”, disse Lucas Calil (PSD).

Naiara irá representar a Secretaria Estadual de Educação no conselho. O líder do Governo, Bruno Peixoto (MDB), rebateu Calil: “Não estamos aqui para analisar parentesco, mas capacidade, se os tem ou não. Aponte um indicado que não tenha competência ou caráter necessário para assumir a função. Se a professora não adequar ao perfil, podemos votar não”, disse o parlamentar.

Calil, que não tem poder de voto, respondeu dizendo que também não quer entrar no mérito da competência e que sua fala seria apenas para que o líder “levasse a mensagem ao governador”. “Ele deve desculpas ao povo por estelionato eleitoral, porque dizia que iria acabar com conchavos”, assinalou.

E continuou…

O deputado Hélio de Souza (PSDB) endossou o discurso do colega da oposição. Disse que concorda que o currículo é importante e elogiou a competência dos cinco indicados, mas frisou incoerência no discurso do Governo. Fora isso, Hélio afirma estar satisfeitos com os nomes levados e destacou o professor Tatão. “Goianésia deve muito a ele”, pontuou.

Já Humberto Teófilo (PSL) demonstrou descontentamento com o discurso de Calil e Hélio. “Vejo com muita tristeza o discurso que indaga o parentesco da indicada. É importante lembrar que no governado passado foi nomeado o concunhado do governador, e que Valéria Perillo foi aposentada na gestão. Entendo e respeito a oposição, mas temos que analisar currículo e técnica, e não questão de família”, declarou.

Ainda segundo Teófilo, o governador nunca condenou o que chama de “familiocracia”. “Ele falou de tirar carrapatos. Mas não podemos criminalizar uma indicação porque há parentesco com o governador”, sublinhou.

Antônio Gomide (PT), então, rebateu o deputado: “Precisa ser colocado o dedo na ferida do que é dito. Caiado sempre foi muito crítico e duro na linha de nepotismo. Mais do que falar, é preciso fazer”. As nomeações dos indicados não chegaram a serem votadas, porque o tempo foi esgotado. Ainda não há data para a próxima apreciação.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.