Deputado questiona ‘engavetamento’ de pedido de impeachment de Iris Rezende

Isso, porque o processo está parado na procuradoria da Câmara Municipal desde o dia 30 de maio

Foto: Fábio Costa/Jornal Opção

O deputado estadual Alysson Lima (PRB) questionou o engavetamento do pedido de impeachment do prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB). Isso, porque o processo está parado na procuradoria da Câmara Municipal desde o dia 30 de maio.

O pedido foi protocolado pelo próprio deputado, que foi à Casa Legislativa apresentar o documento, mas, na ocasião, foi impedido de falar. No dia anterior, o Ministério Público Federal (MPF) havia denunciado Iris por improbidade administrativa.

Alysson, portanto, criticou a atual Legislatura municipal pela inércia diante do projeto apresentado. “Não são todos que estou criticando. Tem um grupo bom lá como a Dra Cristina (PSDB) e o Lucas Kitão (PSL). (…) Por outro lado temos 25 vereadores que fazem parte do grupo do prefeito, que defendem o Iris mesmo sabendo que ele está fazendo a pior gestão da história de Goiânia e cometendo vários crimes de improbidade administrativa”, disse.

E completou: “A pergunta que faço é, defendem de graça? O que eles estão ganhando com isso? Quem está bancando essa fatura?”.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.