Deputado quer política estadual contra violência a educadores

Proposta que tramita na Assembleia pode trazer pra Goiás uma política de prevenção à violência contra professores da rede pública estadual de ensino

Deputado Jean Carlo | Foto: Y. Maeda

O deputado Jean Carlo (PHS) é autor de um projeto que propõe uma política de prevenção à violência contra educadores em Goiás. A proposta, que tramita na Assembleia Legislativa, cita pontos como “estabelecer, em parceria com a comunidade escolar, normas de segurança e proteção de seus educadores como parte integrante de sua proposta pedagógica” e “demonstrar à comunidade que o respeito aos educadores é indispensável ao pleno desenvolvimento da pessoa dos educandos”.

O Parlamentar ainda sugere a que as medidas de segurança, proteção e prevenção de atos de violência e constrangimento aos educadores incluam campanhas educativas na comunidade escolar e na comunidade geral e o afastamento temporário do infrator, conforme a gravidade do ato praticado.

“Um estudo mostra que mais de 22 mil professores foram ameaçados por estudantes e mais de 4,7 mil sofreram atentados à vida nas escolas em que lecionam” contou o deputado sobre dados do questionário da Prova Brasil de 2015, aplicado a diretores, alunos e professores do ensino fundamental de todo o país.

Essa mesma pesquisa mostra que mais de dois mil professores afirmam terem visto estudantes frequentarem aulas com arma de fogo, mais de 12 mil disseram que havia alunos com armas branca e 22 mil foram ameaçados.

O Processo Legislativo do Deputado foi aprovado preliminarmente e encaminhado à Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) onde será analisado para, posteriormente, retornar ao Plenário Getulino Artiaga.

Deixe um comentário