“Delegado Waldir tem todo direito de pleitear a candidatura”, diz Jayme Rincón

Em convenção do PTB, presidente da Agetop negou ser o provável candidato do PSDB nas próximas eleições e defendeu debate maduro para a escolha

Jayme Rincón admitiu a possibilidade de parceria entre PSDB e PTB | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

Jayme Rincón admitiu a possibilidade de parceria entre PSDB e PTB | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

Bruna Aidar

O presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras Públicas (Agetop), Jayme Rincón (PSDB), foi um dos presentes na Convenção Estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), realizada nesta terça-feira (16/6), em que esteve representando o governador Marconi Perillo (PSDB). Na ocasião, se mostrou otimista em relação às eleições de 2016: “O PSDB tem todas as condições de fazer o próximo prefeito de Goiânia. O quadro está muito favorável para nós”.

Sobre a sua possível candidatura para a prefeitura de Goiânia, Jayme garantiu que o PSDB não tem nada definido para as próximas eleições. Questionado sobre ser a primeira opção de Marconi para disputar a Prefeitura, Rincón se esquivou: “Acho que nós temos que ter a sabedoria para escolher o melhor nome dentro do PSDB”.

Quando perguntado sobre as disputas entre membros do PSDB, como o delegado Waldir, pela candidatura, Jayme foi moderado: “O delegado Waldir tem todo direito – até pela votação expressiva que ele teve em Goiânia – de pleitear a candidatura”. Ele Jayme garantiu que não há imposição de nomes por parte do governador e que haverá um “debate maduro” para escolher o nome certo. “Independentemente de discutirmos nomes, nós temos que discutir projetos”, completou.

Jayme afirmou que não estava na Convenção em uma agenda de pré-candidato, apenas representava Marconi. No entanto, disse que há possibilidade de uma aliança entre PSDB com o PTB para as próximas eleições.

Para explicar a boa conjuntura a que se referiu, ele destacou a quantidade de obras e programas feitos pelo governador Marconi Perillo, além da administração de PMDB e PT nos últimos 12 anos, que avaliou como “desastre”.

“PSDB esteve afastado da sociedade goianiense, até porque nós não disputamos as últimas eleições”. Jayme disse que é momento de discutir os problemas da população para apresentar uma solução para cada um deles em 2016. “Goiânia enfrenta problemas de cidades como São Paulo, Belo Horizonte, que são bem maiores”, segundo ele, isto é reflexo de falta de planejamento dos grupos que administraram a cidade nos últimos anos.

Jayme justificou a ausência na convenção do PSDB, realizada neste domingo (15), dizendo que estava viajando e não conseguiu retornar a tempo. Sobre a eleição de Afrêni Gonçalves como presidente da legenda, Rincón se mostrou satisfeito: “acho que ele vai conseguir conciliar administração com a parte política, que era o que o PSDB estava precisando”.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.