Defesa pede que Hian seja interrogado novamente, porém na presença de advogados

Hian Alves de Oliveira é tido como um dos suspeitos de participar do assassinato do menino Danilo Souza, de 7 anos. Garoto foi morto a pauladas e corpo foi encontrado em um matagal próximo a sua residência

A defesa de Hian Alves de Oliveira, que é tido como um dos suspeitos de participar do assassinato do menino Danilo Souza, de 7 anos, protocolou um pedido para que Hian seja interrogado novamente pelas autoridades, porém, desta vez, na presença de seus advogados. O pedido foi encaminhado ao delegado de polícia responsável pela condução do caso na Delegacia de Investigação de Homicídios (DIH).

O documento justifica o pedido lembrando que a solicitação feita anteriormente não foi atendida pelo delegado. Em outro trecho, a defesa diz não reconhecer, até o presente momento, as exatas razões que levaram à prisão de Hian bem como os elementos de informação produzidos pelos investigadores.

Hematoma

Por fim, os advogados dizem que o suspeito apresenta um hematoma no olho esquerdo e, diante disso, requer que ele seja submetido, imediatamente, a exames junto ao Instituto Médico Legal (IML).

A intenção, segundo a defesa, é que”as circunstâncias em que o hematoma se deu sejam apuradas, bem como investigada a existência de outro trauma físico produzido sem o seu consentimento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.