Decreto terá medidas mais duras para Região Metropolitana, Entorno e cidades em rodovias federais

Novo decreto tem sido preparado pelo Executivo e deve ser publicado na madrugada da próxima quarta-feira, 12. “Chegamos a uma fase em que o Estado precisa agir”, disse governador

Governador Ronaldo Caiado / Foto: Reprodução

Em entrevista concedida na manhã desta terça-feira, 12, o governador Ronaldo Caiado (DEM) falou sobre o novo decreto que tem sido elaborado pelo governo. O documento deverá ser publicado na madrugada de quarta-feira, 13.

O governador lamentou a queda do isolamento social no Estado e então reforçou a necessidade do Estado “agir”.  “Estamos insistindo dentro da possibilidade de termos maior participação do cidadão. Entendemos as angústias mas chegamos a uma fase que o Estado precisa agir. Saímos de uma referência nacional em isolamento para o pior percentual. Que a verdade seja dita, 37% é ausência completa de isolamento. Não temos isolamento em Goiás”.

Segundo o governador, desta vez, serão tomadas medidas mais rígidas especialmente para capital, Região Metropolitana, entorno de Brasília e cidades que se encontram no eixo das rodovias federais. “O que estamos fazendo [com o decreto] é priorizar [o funcionamento das] áreas essenciais. Como farmácias, supermercados, industrias transformadoras de alimentos e hospitais. Vamos priorizar a vida”.

O governador adiantou que ainda hoje deverá se reunir com diferentes lideranças de diversos segmentos para conversar sobre as novas medidas a serem adotadas a partir de amanhã. No entanto, apesar de se mostrar aberto ao diálogo, reafirmou: “A decisão será no sentido de impor uma restrição importante para o Estado. Estamos com números avançados e preocupantes para nós.  Os casos estão aumentando”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.