De saída, Paulo Garcia inaugura projeto “DeBike” nesta terça-feira

Prefeito que adotou a mobilidade urbana como uma de suas principais bandeiras encerra gestão com lançamento do alardeado serviço de bicicletas compartilhadas

Divulgação/Serttel

Divulgação/Serttel

A poucos dias de deixar o Paço municipal para o seu antecessor, Iris Rezende (PMDB), o prefeito Paulo Garcia (PT) inaugura nesta terça-feira (20/12) o esperado projeto de mobilidade urbana batizado como “DeBike”. O serviço é patrocinado pela Unimed Goiânia e oferece 150 bicicletas públicas compartilhadas que estarão distribuídas em 15 diferentes pontos espalhados pela cidade.

A inauguração será no Setor Oeste, na Praça do Sol, recentemente revitalizada pela administração municipal. A Serttel, empresa vencedora do edital de chamamento público, desempenhará todo o processo operacional, ficando responsável pelo fornecimento das bicicletas, estações, site de relacionamento e aplicativo.

O serviço funcionará aos moldes do Bike Itaú, que oferece bicicletas em várias cidades brasileiras. Por meio de um aplicativo, a pessoa se cadastra e retira a bike em uma das estações. Depois, devolve em qualquer uma delas. O serviço terá quatro taxas de uso, R$ 4 para um dia, R$ 8 mensal, R$ 35 semestral e R$ 70 anual.

A inauguração do “DeBike” marca o fim do segundo mandato do prefeito Paulo Garcia, que, apesar das crises institucionais e administrativas, focou a mobilidade urbana e sustentável como uma de suas principais bandeiras. Resta saber se o antigo novo prefeito fará jus ao escasso legado deixado por seu ex-afilhado político.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.