Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia também foram alvos de ataque hacker

Autoridades do Judiciário também foram alvos como, por exemplo, o ministro do STJ, João Otávio de Noronha

Os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, também estiveram entre os alvos dos presos da Operação Spoofing. Conforme mostrado pelo Jornal Opção, a Polícia Federal (PF) prendeu, na última terça-feira, 23, quatro suspeitos de invadirem os celulares do ministro da Justiça e ex-juiz, Sergio Moro, e do procurador da República e coordenador da Operação Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol. As prisões foram determinadas pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira.

Segundo o jornal O Globo, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, tem estabelecido contato com cada um dos alvos para informa-los. A reportagem acrescentou, ainda, que os hackers também investiram contra autoridades do Judiciário como, por exemplo, o ministro do STJ, João Otávio de Noronha.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.